24 de agosto de 2012

Ideias (sensacionais) para reutilizar pneus


19/12/2011 via Ecoblogs
Reduzir o volume de pneus usados nos aterros é um desafio em todo o mundo. [Neste link você lê um artigo sobre o reuso e reciclagem de pneus.] Aqui no Brasil, estima-se que cerca de 350 mil toneladas são descartadas todo ano – e estamos bem na foto, 78% do material é reciclado.
O bacana é que a borracha dos pneus pode virar objetos interessantíssimos na produção artesanal. E retirar estes reservatórios ambulantes de dengue de terrenos baldios e quintais. Algumas opções que encontrei no WebEcoist.

1. Vasos
Sim, pneus velhos podem virar lindos vasos – tanto pendurados nas paredes externas quanto empilhados, para formar floreiras diferentes no quintal. No caso dos pneus empilhados, o calor que absorvem é ótimo para tomates e batatas, por exemplo… Uma horta plantada de forma diferente, já pensou?


2. Tapetes
Tanto as câmaras convencionais quanto as de bicicleta podem ser transformadas em tapetes antiderrapantes, duráveis e à prova d’água. Faça suas tirinhas e solte a imaginação…


3. Acessórios
Com criatividade e bom gosto, dá para transformar o material em tudo: brincos, cintos, pulseiras.



4. Parquet
Sim, sim. A Apokalyps Labotek, uma empresa sueca, transforma os velhos pneus em pisos descoladíssimos.

5. Sapatos
As mesmas qualidades da borracha que a fazem maravilhosa para os carros também ajudam nossos pés. No Instructables (em inglês) você encontra um tutorial para fazer suas próprias sandálias.

6. Móveis
O mobiliário feito de pneus reutilizados ou velhas rodas de bicicleta vão do moderno e elegante ao engraçado e kitsch. Acima, dois exemplos: The Tired Lounge Chair, de Leo Kempf, e a segunda da Bike Furniture Design.

Também achei perdido na internet estes outros dois exemplos de utilização de pneu:
As crianças vão adorar brincar!

Também há uma grande variedade de esculturas com pneus de vários artistas, mas que sabe falamos sobre elas em outro post ;)

A reutilização de materiais previne que mais resíduos sejam descartados em aterros sanitários. A técnica além de fazer bem para o planeta pode ser útil e facilita muito quando o orçamento está baixo. São infinitas as possibilidades de transformação destes objetos que perderam seu uso original.

Sobre o autor: Luciana Cantanhede Estudante de Biologia, Conselheira do Cades regional em São Paulo, busca através das temáticas ambientais conscientizar e incentivar a mudança de atitudes para práticas sustentáveis. Twitter | Facebook | Email

0 comentários:

Postar um comentário

Política de Direitos Autorais

Este blog respeita os direitos autorais e busca citar sempre as fontes de onde foram retirados os textos e imagens. Peço a gentileza que avisem caso ocorra alguma violação dos direitos autorais.